Conheça 4 perfis de profissionais comuns encontrados no mercado e como melhor aproveitá-los na sua empresa

30/06/2020

Para garantir o funcionamento das equipes, os gestores das empresas precisam entender o perfil de cada um dos colaboradores. Ao desenvolver estratégias nesse sentido, todos os membros contribuem para o desenvolvimento da organização. Compreender as aptidões de cada pessoa, portanto, é a forma mais precisa de tomar decisões e alcançar as metas almejadas.

 

Vale ressaltar que conhecer os diferentes perfis profissionais vai muito além de identificar as habilidades técnicas. A chave da questão aqui é analisar as tendências comportamentais de cada membro. Quando isso estiver claro para os gestores e líderes, ficará mais fácil encontrar formas de saber lidar com as diferentes personalidades e assim extrair o que há de melhor nos diferentes perfis profissionais. 

 

Quais são e como lidar com os 4 perfis comportamentais?

 

No geral, podemos separar os profissionais em quatro tipos de perfis profissionais: entusiastas, controladores, relacionais e analíticos. Cada grupo conta com características próprias, o que também gera distintas formas de lidar com eles. A supervisora de Recursos Humanos da Express Restaurantes Empresarias, Bianca Zanesi, detalhou cada um desses principais perfis profissionais.

Conheça os tipos de perfil profissional:

 

* Entusiastas

 

Esses profissionais costumam ser criativos e inquietos. Gostam de ambientes que mudam constantemente. Preferem atuar em projetos variados e distintos do que se envolver em uma mesma função. A rotina, para eles, não cai bem.

Estão sempre em busca de novas ideias e novas técnicas para os processos. Além disso gostam também de aprender e mostram interesse em reciclar seus conhecimentos. 

 

- Importância desse perfil

Os entusiastas são fundamentais para o desenvolvimento de novos produtos e projetos. Como estão sempre à procura de desafios e de soluções originais, eles trazem inovação para a empresa. 

 

- Como trabalhar com esse perfil:

Como os entusiastas adoram uma ideia nova, é importante propor novos projetos a eles com frequência. O ideal é dar liberdade de criação, visto que soluções inovadoras podem surgir. O gestor de um entusiasta pode dar metas a ele, mas sem impor como isso deve ser feito: o indicado é deixar o profissional atingir o objetivo da forma que quiser. 

 

Um desafio para os entusiastas é realizar tarefas repetitivas ou focar muito tempo no desenvolvimento de um único projeto. Seu ímpeto normalmente o leva para a criação de algo novo. A dica aqui é dividir os projetos em etapas, assim o entusiasta não vai perder a sensação de novidade tão cedo e vai seguir focado em seu desenvolvimento.  

 

* Controladores 

São pessoas que gostam de trabalhar com prazo e têm muita facilidade de trabalhar de forma independente. Os controladores são focados e, por isso, não aprovam burocracias ou qualquer outra prática que atrase o progresso do seu trabalho. Eles nem sempre atuam bem em equipes, pois contam com um processo de raciocínio bem individual. 

 

- Importância desse perfil:

Profissionais com o perfil controlador são ótimos implementadores e executores de projetos. Como são independentes, costumam atuar de forma eficaz e rápida em suas atividades. São organizados, produtivos, cumprem prazos e focam seu trabalho nos resultados.

 

- Como trabalhar com esse perfil:

A chave para lidar bem com os controladores é a comunicação. Geralmente, esse grupo de profissionais é bem rígido com seu trabalho e com o dos outros. Esse perfil de atuação mais individualista pode fazer com que com outras pessoas da equipe se sintam desconfortáveis, por isso a necessidade do diálogo e da troca de ideias constante. 

 

Os controladores precisam que suas opiniões sejam ouvidas e levadas em consideração. Quem trabalha com esse perfil, portanto, deve perguntar sua opinião e escutar seus apontamentos sobre os projetos. Sempre que possível, valorize suas ideias e faça os controladores perceberem como as suas sugestões são importantes para o sucesso da empresa. Esse perfil, quando se sente valorizado, trabalha muito melhor.

 

* Relacionais 

Esse tipo de profissional valoriza muito as relações e as interações. Nesse sentido, atuam muito bem em grupo. No geral, os relacionais são capazes de fazer com que os seus colegas se sintam muito bem em compartilhar ideias com eles. Outra característica é que costumam ter muita facilidade em se posicionar.

 

- Importância desse perfil:

Os relacionais são mestres em criar relações saudáveis no ambiente de trabalho. Como são empáticos, conseguem saber quais as dificuldades e angústias dos colegas. Eles atuam no sentido de buscar soluções para todos e de melhorar o convívio e o trabalho das equipes. 

 

- Como trabalhar com esse perfil: Por serem comunicativos, os relacionais valorizam muito os feedbacks. Essa conversa é fundamental para o perfil. O lado humano também conta: mostre a eles que se importa com as questões emocionais da equipe.

 

Os relacionais também gostam de estar sempre atualizados sobre o que acontece na empresa, tendo em vista que circulam bem em todas as áreas e têm contato com muitas pessoas. Deixe claro para eles quais são os objetivos e as intenções dos projetos: esse grupo precisa de informação para se sentir motivado. 

 

* Analíticos 

São os profissionais extremamente lógicos, que gostam de números e dados. Um comportamento típico desse grupo é revisar os e-mails muitas vezes antes de enviar. É comum para os analíticos ter certa dificuldade de lidar com mudanças repentinas, então normalmente estão na defensiva quando surge uma novidade. Preferem sempre a estabilidade e suas ações são cuidadosamente planejadas. 

 

- Importância desse perfil:

Como baseia-se em dados, números e fatos, sabem calcular riscos como ninguém. São excelentes também para mensurar resultados e apontar quais ideias têm mais chances de emplacar. Costumam conhecer muito o contexto histórico dos processos, o que é necessário para que erros não sejam repetidos.

 

- Como trabalhar com esse perfil:

Os analíticos só se interessam por ideias e projetos bem embasados, então cheque suas informações duas vezes antes de ir apresentar a eles alguma novidade. Se possível, elenque seus argumentos em um formato de relatório, com uma estrutura bem desenvolvida. Assim será mais fácil tirar o receio que eles têm de inovações. 

 

Outra dica é valorizar regulamentos, manuais e procedimentos. Nunca deixe também de apresentar e atualizar as políticas da empresa para eles. Deixe claro tudo o que será feito, de que forma e como vamos chegar lá. Esse perfil é metódico e não se atrai por ideias subjetivas.