Como agregar valor a commodities no mercado atual

16/03/2020

Na hora de elaborar estratégias para o crescimento de um negócio, o lema de muitas empresas é agregar valor aos produtos e serviços. A estratégia se mostra eficiente pois cada vez mais os consumidores buscam soluções diferenciadas, que tenham inovações e diferenciais. Mercadorias e produtos com alto valor agregado apresentam melhor performance em mercados de todo o mundo.

 

 

Em alguns setores, entretanto, colocar em prática essa meta é um desafio mais complexo do que se imagina. No mercado de commodities, por exemplo, é extremamente difícil encontrar formas de agregar valor aos itens. Commodities, vale ressaltar, são os produtos que funcionam como matéria-prima e são produzidos em escala. Petróleo, alumínio, café e soja são alguns exemplos dessa categoria.

 

 

Formas de agregar valor aos produtos e serviços

 

 

Apesar de alguns mercados serem mais desafiadores do que outros, é possível agregar diferenciais em praticamente todos serviços. Conheça abaixo como agregar valor ao produto com quatro estratégias que se encaixam também no ramo de commodities:

 

 

- Valorize o tempo do seu cliente:

 

Não adianta ter o melhor produto do mercado se você não consegue fazer entregas rápidas. O diferencial da sua atuação pode ultrapassar os limites de produção e chegar no segmento de logística. Valorizar o tempo do seu cliente é uma forma simples e eficiente de agregar valor às soluções.

 

 

- Tecnologia para aumentar a produtividade:

 

A chave para aprimorar a produção passa, muitas vezes, pela utilização de inovações. No caso das commodities, a tecnologia pode intensificar muitos processos, aumentando a eficiência operacional das atividades.

 

 

- Diversificação das mercadorias:

 

O empresário deve estar atento à tendência mundial da fragmentação da demanda. Os consumidores, cada vez mais, buscam por alternativas na hora da compra. Os produtos orgânicos, por exemplo, resumem bem essa tendência de consumo. Sabendo disso, o empresário pode adotar medidas para processar e/ou certificar suas matérias-primas, criando um diferencial de mercado.

 

 

- Proximidade com o mercado consumidor:

 

Não raro, as empresas que trabalham no ramo de commodities não "conversam" com seu mercado. Toda a parte comercial é focada apenas para mediadores, sem nenhuma proximidade com o consumidor final. Esse é um erro clássico! Para acrescentar valor nas commodities, é indicado conhecer bem seu público alvo e suas necessidades.

 

 

Achamos que você também pode gostar desta matéria: COMO AVALIAR SE UM SERVIÇO DEVE SER TERCEIRIZADO